sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

REMANESCENTE DOS NAZARENOS NO BRASIL

 
Remanescente dos Nazarenos
 
Somos um pequeno rebanho (Lc. 12:32), contudo, mesmo tendo pouca força, seguimos firmes com evangelho eterno (Ap. 14:6), guardando a palavra de El e não negamos o verdadeiro nome do Senhor Yehôshua Mashia, tampouco, o nome do Criador Yúd-Hê-Wau-Hê (Ap. 3:8,12), que apesar de muito combatidos permanecem de geração em geração (Dn. 7:25 - Jo.16:2). Nas décadas de 70/80, em uma igreja Adventista do Sétimo Dia no bairro do Capão Redondo, em Santo Amaro/SP, o Eterno levantou e iluminou o irmão Benedito José dos Reis, (IN MEMORIAN), ressurgindo aqui no Brasil a mensagem dos NAZARENOS, desde então, temos procurado dar ouvidos aquela voz celeste que exorta a todos os sinceros a sair do engano (Ap. 18:4), tendo mui firme a sã doutrina (II Tm. 4:3 - II Pedro1:19).
A Comunidade Messiânica Remanescente dos Nazarenos tem sido um instrumento eficaz na restauração do caminho antigamente assolado (Is. 58:12 – Jr.6:16), do qual muitos se desviaram, e outros tantos, não conseguem encontrá-lo, devido aos falsos ensinamentos de homens que sob inspiração do maligno tentaram mudar a verdade em mentira, o que não nos surpreende, pois a Bíblia nos adverte quanto a isso (Rm. 1:25).
AS ORIGENS DOS ATUAIS NAZARENOS.
Tratamo-nos pelo titulo de: NAZARENOS, pois este tem suas raízes em profecias messiânicas. Senão vejamos: “A palavra Hebraica, vertida para nazareno, é ‘ netzer’, que significa’ renovo’, e é idêntica a palavra usada em Is 11.1 “ Do tronco de Jessé sairá um rebento, e de suas raízes um renovo”, E desta maneira, todas as vezes que chamaram a Jesus o ‘ Nazareno’, estavam pronunciando, com conhecimento ou sem saber, um dos nomes do anunciado Messias. E assim se explica a alusão em Mt 2.23” (DICIONARIO BIBLICO UNIVERSAL DE BUCKLAND)p.302.
No livro dos Atos dos Apóstolos, capitulo 24.5, lemos que o apóstolo Paulus, foi tratado embora de forma agressiva e pejorativa, pelo titulo de NAZARENO. “Temos achado que este homem é uma peste,... Promotor de sedições entre todos os judeus, por todo o mundo; e O PRINCIPAL DEFENSOR DA SEITA DOS NAZARENOS...”
“O epíteto de NAZARENO é aplicado com desprezo aos seguidores de Jesus em At 24.5. O nome ainda existe... em árabe,... como simples designação de cristãos”. Dicionário Bíblico de Bucland, p.302.
Já o termo CRISTÃO, suas origens são PAGÃS.... Vejamos:
No mesmo DICIONARIO BIBLICO DE BUCKLAND, nas PP.102, extraímos o que segue: “CRISTÃO. Esta palavra ocorre somente três vezes no Novo Testamento (At 11.26; 26.28; 1 Pe 4.16); e todas estas referencias sugerem que o nome era de origem e APLICAÇÕES PAGÃS. Eram os cristianos donde se derivou cristão. A mesma formação se vê na palavra ‘ herodianos’, que quer dizer partidários de Herodes. Nos Atos e Epistolas, todos aqueles que abraçavam as doutrinas de Jesus Cristo se chamavam a si mesmos discípulos, irmãos, santos, etc. O honroso titulo que prevaleceu nas igrejas desde o SEGUNDO SÉCULO, tendo o sentido duma particular afeição e devoção para com a santa pessoa de Jesus, parece ter tido a sua origem NUMA ALCUNHA PAGÃ.. “ Em Antioquia foram os discípulos PELA PRIMEIRA VEZ CHAMADOS CRISTÃOS....” .
A História mostra que estes Nazarenos, criam DOUTRINARIAMENTE, diferentes dos Cristãos, do CRISTIANISMO, em todas as suas variantes! Existe um abismo profundo entre Cristãos e Nazarenos, desde antes mesmo do período apostólico. Isto poderá ser comprovado, se o leitor conferir no tópico: “ PONTOS FUNDAMENTAIS DE NOSSA FÉ” Através dos tempos, a doutrina pura e verdadeira, o verdadeiro Evangelho, continuou a ser professado, por grupos conhecidos como: CÁTAROS, ALBINGENSES, Socinianos, Nomes como Miguel Servet, Giordano Bruno, e outros luminares da verdadeira e sã doutrina, etc. Historicamente, os mesmos foram perseguidos, e até mortos, pela grande Meretriz simbólica, e Suas filhas (Apoc.17.4-5,18.45+Cap.12.17). Modernamente, o ressurgimento aqui no Brasil, deu-se nas décadas de 70/80, quando o Criador levantou, e iluminou em uma igreja Adventista do Sétimo Dia no bairro do Capão Redondo em Santo Amaro, São Paulo, o irmão Benedito José dos Reis, (IN MEMORIAN), e á partir daí, a passos lentos mas seguros, temos procurado dar ouvidos aquela voz celeste que exorta a todos os sinceros a sair DOGMATICAMENTE, de BABILONIA; Pois a maioria tem saído da Babilônia, ORGANIZAÇÃO FISICA, contudo, encontram-se, ainda, ligados, com os seus cordões umbilicais a BABILONIA MÃE ESPIRITUAL pelos misteriosos DOGMAS.. cujas origens, remontam a Torre de Babel... Portanto, caro leitor, atenda em quanto a tempo a voz celeste que diz:
“Sai dela POVO MEU”... Apoc.18.4.
Por: Joel Elisio da Costa
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FRUTO DO ESPIRITO É

O BATISMO BÍBLICO/APOSTÓLICO